Atendendo a algumas respostas apreciativas e inúmeras ignorativas, aqui está......

16 dezembro 2009

Dirceu apoiando a ditadura

Não vou deixar de comentar o artigo do ex-ministro-chefe do Couto e Silva, o Comandante José Dirceu, defendendo a recepção oficial de seu governo ao ditador da Pérsia. Por conta do apoio russo ao golpe de estado de Ahmadinejad, o povo grita "Morte à Rússia" nas passeatas pela democracia em Teerã. Temos sorte que os estudantes persas sabem diferenciar entre o pacífico povo brasileiro e nosso governo tiranófilo, senão o entusiasmo do Itamaraty pela repressão policial já estaria rendendo gritos de marg-bar-Barazil. Vale a pena notar o argumento do ministro em favor da sangrenta ditadura militar-teocrática: mudar de assunto e culpar Israel. Um pouco mais original é o apoio ao genocida Slobodan Milosevic, que fica implícito no raciocínio do ex-ministro quando culpa a guerra civil na Iugoslávia no imperialismo americano (está em um dos últimos parágrafos). O quê causa o quê na mente do ex-ministro: o amor aos ditadores de extrema-direita de como Ahmadinejad e de extrema-esquerda como Slobodan; a vontade de registrar uma posição diferente das de democratas como Fernando Henrique e de Barack Obama; ou o anti-semitismo?
Postar um comentário