Atendendo a algumas respostas apreciativas e inúmeras ignorativas, aqui está......

18 dezembro 2013

Genuíno discurso de encarceramento

"Tudo que fiz, fiz por amor à pátria. Pelo Brasil faria novamente o que achasse correto. Onde errei, peço ao povo que me perdoe. Aceito o julgamento da democracia pela qual lutei com a mesma serenidade com a qual resisti à prisão da ditadura. Se vivemos num país onde a justiça vale para o poderoso como para o humilde, minha luta foi vitoriosa".

Só que não. Onde foi que não ouvimos esse discurso?
Postar um comentário